Thursday, April 12, 2007

Uma ponte de Babel

A minha ultima jornada levou-me a uma cidade do leste da Europa, situada nas margens do rio Vltava, cuja ponte é um dos ex-libris mais famosos. A ponte Carlos une as duas margens de Praga e é mundialmente conhecida pelas suas duas torres e pelas diversas estátuas que ornamentam os seus parapeitos.

No entanto o que mais me espantou foi a enorme quantidade de turistas que diariamente palmilhavam o seu tabuleiro, sob os sons das bandas ambulantes e os olhares dos vendedoresde rua onde se destacavam americanos, japoneses, italianos e espanhois. Uma verdadeira ponte de Babel.

A azáfama fez-me lembrar Florença, com as lojas em todo o lado, bilhetes para ver tudo, e um corropio de grupos organizados à procura do próximo check-point no mapa, como se de um rally-paper se tratasse. Mas para mim Praga surpreendeu-me pela positiva, oferecendo um conjunto de actividades capazes de agradar a toda a gente. Tem a parte cultural dos museus e monumentos, os concertos de musica clássica que se realizam diariamente, as noites de jazz no AghaRTA, os espaços verdes onde se aproveitavam os ténues raios de sol e os fins de tarde nas esplanadas ribeirinhas, saboreando um "pivo".

Se puderem, não deixem de visitiar, de preferência com a companhia certa.

3 comments:

Pratas said...

Ainda bem que gostaste.. Foi das cidades que mais gostei de conhecer pela imensa quantidade de cultura..

Por todo o lado casas de arte, pintura, óperas, bailados e muito Jazz.. Também adorei a comida.. Praga, um sitio que quero revisitar...

A única coisa que gostei menos foi a antipatia da alguns checos que não conseguem disfarçar.. :)

Não sei se tiveste oportunidade de "fazer" a ponte Carlos à noite.. totalmente diferente.. lindo e sem gente..

Dias... said...

Boas parceiro

Tive a sorte de por lá ter andado com amigos de ocasião, ainda nos tempos do Inter-Rail, e adorei!
Infelizmente não voltei e provavelmente não voltarei, (revisitei agora no Google Earth) mas guardei imagens e recordações bem bonitas.

Belas ferias, boa escolha, também recomendo.

Abraço

Mestre said...

pratas, a foto foi tirada de noite, à porta do Bairro Pequeno. Acho que tenho que abrir um site de fotos, foram tantas e tão boas (bendito digital).

Dias,

não tive oportunidade de fazer o Inter-rail, ando a desforrar-me agora, mas a intensidade da viagem é outra.