Posts

Showing posts from June, 2007

Mais um prémio

Image
O Dias enche-me de mimos e desta vez recebi o prémio de "Blog com tomates", ou seja, um blog onde não se escrevem meias palavras. Curiosamente, ontem uma amiga dizia-me que o meu blog é políticamente correcto, falo muito do que penso mas pouco de mim. Eu expliquei-lhe que, ao lerem o que penso, vão-me conhecendo um pouco. E lembrei-me daquela frase maravilhosa de Forrest Gump: "A vida é como uma caixa de bombons, nunca sabes o que nos vai calhar a seguir".

Sem querer ser irreverente, faço por defender as minhas opiniões, umas mais lógicas que outras mas da discordia nasce a evolução. Se todos pensassem da mesma forma o mundo era de facto um local muito estúpido. Foram os Galileus, os Darwins, os Da Vinci deste mundo que alargaram fronteiras e desafiaram as verdades absolutas. Para todos os que fazem a diferença vai o meu prémio de "Blog com tomates", para todos voçes que tentam fazer a diferença todos os dias.

Raríssimas

Image
Recebi um desafio do amigo Dias, relativamente ao Raríssimas e à campanha de angariação de fundos para a "Casa dos Marcos", e não posso deixar de corresponder.

Conheci esta associação atrás do meu amigo Francisco, Kikas para os amigos, companheiro do paintball recreativo e que se emancipou mais cedo para os insufláveis liderando um projecto muito válido neste desporto. Com ele apareceu o torneio Raríssimas, que reuniu dezenas de paintballers nos jardins de Belém em prole desta causa, que toca cada um de nós. O meu "Trevinho" do ano passado é companhia diário no carro e este ano já confirmei a presença do meu clube com 3 equipas.

Tive também oportunidade de almoçar com a Paula Brito e Costa, presidente da Raríssimas, uma senhora com uma capacidade de entrega que faz sonhar cada vez mais alto. Quando vi um dia destes num telejornal a presença de Maria Cavaco Silva ao lado da Paula, percebi que o Raríssimas está a crescer, quer em protagonismo quer em necessidades. A Su…

Um dia diferente

Image
Ontem foi um dia diferente, daqueles dias que a memória não esquece e que encaro sempre com um nervoso miudinho. A meio da manhã tinha o meu exame "rotineiro", a bela da ressonância magnética que explora as entranhas da minha pessoa em busca de algo anormal, que não deva lá estar.

O ritual repete-se todos os semestres, nos ultímos quatro anos e, apesar de consecutivamente os sinais serem positivos, o apertar na barriga está sempre lá. E fica pior quando a rotina do exame se prolonga por alguma razão, fruto de um esclarecimento adicional que o radiologista quer ter ou duma imagem com pior qualidade. Nessas alturas, em que estou completamente rodeado pela máquina, a sensação de impotência aliada com a claustrofobia faz com que se pense em tudo o que passei em 2003 e se vou ter que repetir a dose.
Finalmente de pé, vem o sorriso do médico (companheiro destas jornadas e, por mero acaso, marido da minha médica de familia) e o resultado praticamente na hora - "está tudo na mesm…

Corto Maltese

Image
Sempre tive um fascínio pela personagem de Hugo Pratt. O mixto de heroi-vilão de Corto Maltese, o pirata que fazia o bem e que estava contra o imperialismo germânico dos princípios do século XX, tem algo de idealista e aventureiro que capturava os jovens do meu tempo.

Recentemente saiu em DVD uma adaptação em filme de 6 albuns de Corto, numa representação fiel aos albuns originais, que não resisti e tive que comprar. Não tem o encanto de folhear as páginas mas sabe bem nos dias mais calmos. Para quem gosta de BD, uma colecção a não perder.

Eppur si Muove

Image
"Contudo, ela move-se."

Desta forma Galileu mostrou que podia alterar a sua teoria, mas não negava a verdade. Há 374 anos Galileu foi julgado pela igreja católica por defender uma tese herege, que considerava oo sol como centro do sistema solar. Contrariando a teoria de Aristótoles, defendida pelo Papa, Galileu ousou confrontar a realidade de então, constatando que apesar de única, a Terra era apenas um astro no espaço.

Numa fase atribulada da contra-reforma católica, o livro de Galileu foi visto como um insulto e o autor teve que se retratar, sendo obrigado a declarar em tribunal que as suas ideias não era correctas e que, de facto, todo o universo girava em volta da Terra. Homem da renascença, astrónomo exemplar e criador das primeiras teorias da física, Galileu fez a vontade ao "sistema" mas, com apenas três palavras, mostrou que o homem pode mudar mas não se mata uma ideia.

Foi em Roma, no dia 21 de Junho de 1633.

Verão

Image
Hoje começa oficialmente o Verão, apesar dos ultimos dias serem mais um sinal que o clima está todo trocado e, no futuro, as estações do ano serem cada vez menos previsíveis. No entanto o fim de semana vai ser de muito calor, convidando a um banho de mar ou uma estadia na esplanada.

Aos amantes da praia deixo o aviso, tenham cuidado com o sol. Os melanomas de pele andam por aí e o sol de agora não é o mesmo dos meus tempos de escola, em que ia para a praia às nove da manhã e regressa às seis da tarde, completamente de rastos mas muito feliz.

Para a geração que ia de barco para a Trafaria e que depois fazia o caminho a pé até S.João, com o "cantante" às costas e o farnel na mochila, fica o abraço do mestre. Pena que hoje tudo isso se tenha perdido e as filas para a praia são cada vez maiores. Salva-se a costa alentejana, vamos ver até quando.

Bom verão para todos.

Excesso de velocidade

Image
Os ultimos dias têm sido terríveis e não tenho tido o tempo e a paz de espírito para observar o que me rodeia e escrever o que vai na alma. Parece que a maldição do post 69 acabou hoje.

Nunca me considerei um "work-a-holic" mas ultimamente vejo-me a chegar a casa cada vez mais tarde, fruto das exigências profissionais motivadas pelas recentes responsabilidades que recebi. Neste caso, o ritmo não me é auto-imposto mas surgiu naturalmente, o que me faz ficar ainda mais frustado com a minha aparente falta de organização e disciplina. Sempre achei que quem trabalha até tarde são aqueles que gostam de passar a imagem de trabalhadores empenhados e sacrificados, e que produção (horas de trabalho) não implica produtividade (qualidade e eficiência no trabalho).
Pela boca morre o peixe, já diz a sabedoria popular, e parece que afinal há quem trabalhe até tarde porque tem que ser. Fico com o desafio de retomar o meu ritmo anterior e garantir que há tempo para tudo, quer para trabalhar, …

Roda (b)ota fora

Image
Nos meus tempos de juventude havia muito este hábito, quando jogávamos às cartas ou aos matraquilhos. Duas equipas defrontam-se e quem perde dá o lugar a outra nova, e assim sucessivamente até conseguir destronar o vencedor. E começava um novo ciclo.

Esta semana surgiu um famoso estudo independente da CIP sobre a problemática da Ota, a constatar que existem alternativas melhores e sobretudo mais baratas. O partido do governo lançou suspeitas sobre o financiamento deste estudo, quiça uma manobra dum grupo de construtores civís rivais dos "amigos" da Ota. Afinal parece que o dinheiro foi adiantado por um conjunto de empresários que quiseram demonstrar a parcialidade da actual escolha e evitar que se enterrem milhões e milhões de euros num projecto que poucos acreditam.

Aguardam-se cenas dos próximos episódios mas, felizmente, parece que o país acordou a tempo de evitar mais um erro crasso da classe governante, mais preocupada em governar-se do que em governar. A ver vamos...

Brisa de mudança

Image
Hoje celebra-se, pela primeira vez, o Dia Europeu do Vento. Numa altura em que o aquecimento global está no centro das atenções e depois do fracasso da cimeira dos G8, onde a questão ambiental voltou a ser adiada, a União Europeia tenta impulsionar o tema das energias renováveis e limpas.
Perante um autismo crescente dos Estados Unidos em reduzir as emissões de CO2, e num cenário onde o preço do petróleo teima em não descer, o futuro da Europa, e do planeta, passa por uma maior racionalização energética e pela diversificação das fontes de energia.

Desde o choque petrolífero de 1973, onde todo o mundo ocidental tremeu, que a Europa tem alterado a sua política energética. A aposta no gás natural, que apesar de também poluir é muito mais limpa que o petróleo, e na energia eólica possibilitou avanços tecnológicos que colocam a Europa na vanguarda das energias renováveis.
Espanha é o 2º maior produtor da "energia dos ventos", com parques eólicos espalhados por todo um país e Portuga…

Victor Ostrovsky

Depois de terminar a minha odisseia grega já relatada noutro post (ver Tucidides), mudei completamente de estilo e estou neste momento entretido com o livro "Mossad", de Victor Ostrovsky. Com uma coragem exemplar, este ex-agente da Mossad revela o modus-operandi de uma organização à margem de qualquer lei ou controle, que chega a agir por conta em risco à revelia do poder político em Israel.
A histórias de como Israel terminou com o programa nuclear iraquiano, por exemplo, mostra o nível de complexidade com que a Mossad trabalhou para reunir toda a informação necessária para a operação final.
Num mixto de romance / documentário, tem uma leitura rápida e algumas histórias bastante curiosas, num estilo John Le Carré na vida real.

Morphine

Image
Acabado de chegar das terras entre Douro e Minho, tenho que deixar umas linhas a quem me fez companhia nesta viagem de regresso, com muita chuva e vento.

Adoro Morphine, a voz grave de Mark Sandman e os sons do saxofone baixo, bem graves, numa fusão de estilos dificil de classificar, entre o jazz e o blues. Mais uma banda que acabou - esta tragicamente com a morte de Sandman num concerto, vitima de um ataque cardíaco - e que me segue há muitos anos, em bons e maus momentos.
Para os que não conhecem fica o desafio, para os saudosistas como eu, nunca é demais:
http://www.youtube.com/watch?v=Hrx4EnkVj50
http://www.youtube.com/watch?v=yP8QhblSkRI&mode=related&search=
http://www.youtube.com/watch?v=fXnGxASoXn0&mode=related&search=

Invicta

Apesar de estar ausente de casa, as saudades do meu cantinho foram tantas que tive que me ligar no hotel. Primeira regra: 4,5€ por hora, cortesia da Ptwifi, é o que se pode chamar um roubo. Mas a ocasião faz o ladrão e, neste caso, eu tinha a ocasião e os euros. Que se lixe o "afanamento". Encontro-me na Invicta nos próximos dias por motivos profissionais, mas contínuo dívidido quando venho ao Porto. Se por um lado a foz do Douro é lindíssima e as imagens que tenho da zona ribeirinhas são autênticos quadros, a cidade, em contrapartida, contínua desorganizada. As obras não acabam, o desordenamento urnabístico é grande e o cinzento contínua espalhado pelas ruas. Dez anos depois de ser considerada património mundial o Porto está pior, fruto de má gestão na Área Metropolitana e dos Valentões e Pintos que abundam por este país. Para quando uma requalificação urbana que devolva ao Porto o esplendor que merece?

Tree Parade

Image
No feríado de 5ª feira fui dar uma volta por Lisboa, descendo do Marquês de Pombal até ao Tejo. Nos dias de calor gosto de me deliciar com as sombras da Avenida da Liberdade, admirar as ruas e sentir o movimento da minha cidade.

Ao chegar ao Terreiro do Paço deparo-me com uma exposição, denominada Tree Parade 2007. Com um contexto semelhante à Cow Parade do ano passado, neste caso diversas escolas pintaram uma árvore, abordando o tema da importância das florestas e da prevenção dos fogos.
Chamaram-me a atenção a amplitude das escolas envolvidas, desde jardins de infância a escolas 2+3 (antigo secundário), e a origem dos trabalhos - vi escolas como Figueira de Castelo Rodrigo, Ponte de Lima e Lagos. Costumamos dizer que os exemplos vêm de cima mas, neste caso, o contributo veio das novas gerações. Vamos ver como corre este verão e se o panorama dos ultimos anos não se repete.

O Dia dos dias

Image
O trabalho tem-me impedido de escrever quando gostava mas, apesar do atraso, não queria deixar passar a ultima 4ª feira, dia 6 de Junho de 2007. Há exactamente 63 anos, este dia ficou conhecido como o Dia D, ou o dia em que o jugo nazi na Europa tinha os dias contados.

Tive oportunidade de passear recentemente pelas praias da Normandia, cujo encanto não consegue traduzir o que se passou nessa madrugada de Junho de 1944. Imortalizadas por Steven Speilberg n'"O resgate do soldado Ryan" e na séria "Bando de Irmãos", fica o meu tributo aos milhares de jovens que perderam a vida para devolver a liberdade à Europa continental. P.S. - A foto mostra Omaha Beach em Setembro de 2006.

Será que é desta?

Image
Vai ser apresentada uma proposta de lei na Assembleia da Républica que visa por na ordem os autarcas e, finalmente, acabar com a vergonha que aconteceu em Felgueiras e Gondomar.

Segundo a notícia que ouvi, esta proposta tem essencialmente duas vertentes. Primeiro, qualquer autarca que seja arguído num processo é obrigado a suspender o seu mandato enquanto esse processo decorre. Se for provada a sua inocência, pode voltar a exercer funções.

Segundo, qualquer autarca reeleito é responsável por toda a gestão do mandato anterior, deixando de se poder refugiar numa desculpa tipo "mandato novo, ano novo". Desta forma, será mais fácil imputar erros de gestão danosos aos cofres públicos e agir em conformidade se for aparecer alguma irregularidade do anterior mandato.
Nos tempos que correm, esta proposta só peca por tardia.