Wednesday, May 23, 2007

Incursão ao norte

Regressado de umas mini-férias pelo norte do país, com uma breve passagem por terras da Galiza, as saudades do blog já apertavam. Adoro tirar uns dias para mudar de ares, recarregar as baterias e ver (ou rever) novas terras. Desta vez rumei a Valença do Minho e vim surpreendido por várias razões.

Primeiro, os espanhois estão em todo o lado. Seja no fim de semana como durante a semana, o corropio de viaturas conduzidas pelos "nuestros hermanos" não pára. Sinal que deste lado há algo mais apetecível para ver, comprar ou simplesmente desfrutar.

Segundo, quando comparadas com o norte de Espanha, as nossas vilas minhotas estão magníficas, bem mais limpas e organizadas, com os centros históricos ordenados e arranjados, sinal de que, finalmente, os portugueses estão a ficar mais civilizados e a preservar o que têm de melhor: a sua cultura e identidade.

Finalmente, o Minho na primavera é deslumbrante. Passei por sítios tão esquecidos como Castro Laboreiro ou a Serra da Peneda e o verde é luxuriante, um regalo para os olhos. Se tiverem oportunidade não a deixem passar. Passem por Vila Nova de Cerveira, Valença do Minho e Melgaço, para verem o esplendor do rio Minho ou então escolham Ponte de Lima e Ponte de Barca para uma estadia à beira rio, sob uma sobra refrescante, a convidar à leitura de um livro ou, simplesmente, a um momento de descontração.

P.S. - foto tirada no alto das ruinas do Castelo de Castro Laboreiro, a 1200 metros em plena Serra da Peneda, bastião da nacionalidade na fronteira norte.

4 comments:

Miguel Ferreira said...

O minho é o nosso coração! Por toda a sua beleza, pelo tanto que guarda escondido...
Sou de Ponte da Barca, Amo o minho e recomendo a todos uma visita cuidada porque há tanto, mas tanto para ver.

Obrigado pelo teu comentário
estarei atento ao teu blog, gostei muito

Rui said...

Amigo tu és o verdadeiro Johnie Walker. Sempre em movimento. ;)

Portugal tem muito para se ver, o velho slogan continua muito actual : Vá para fora cá dentro.

Mestre said...

rui, sabes que sempre puxei mais para as terras da irlanda no que diz respeito aos destilados - Bushmills rula. ;)

É bom ver caras novas por aqui, são bem vindos.

Pratas said...

Minho Minho... que saudades...