Thursday, May 24, 2007

Muitos corvos para um poleiro

Ao que parece, as eleições intercalares para a Câmara Municipal de Lisboa vão ser as mais concorridas de sempre. Para além dos tradicionais PSD, PS, CDU, PP e Bloco, temos o PND, o MPT, o PNR e os independentes Helena Roseta e Carmona Rodrigues (se alguém foi esquecido as minhas desculpas).

Resta saber quanto dinheiro vão custar estas campanhas e como é que as mesmas vão ser financiadas, sendo que uma fatia do custo será suportado pelo Estado na logística deste sufrágio.

Esta consulta aos eleitores começou mal. Com a ansiedade de marcar uma data infrigiu-se a lei, nomeadamente o período de 60 dias que possibilita ao cidadão recensear-se e às coligações de se organizarem e levou a um adiamento que atirou a data para um período onde tradicionalmente já se gozam férias, o que não augura nada de bom. Só espero que os lisboetas sejam um pouco diferentes da maioria do país e que participem em massa nestas eleições. Com tanta escolha será difícil não ter alguém com quem se identifiquem, só falta mesmo alguém ligado aos clubes cá da terra, um major Stromp ou o conhecido "Zé Manel taxista" por exemplo.

Agora vou aguardar os debates, ouvir os candidatos (apesar de neste momento ter duas candidaturas preferidas) e esperar que todos sigam até ao fim. Só espero que o boletim de voto seja esplícito para não baralhar os olhos dos menos atentos, já que tem quase tantos quadrados que um boletim de Totobola. Que começe a campanha...

2 comments:

rui said...

Muitos candidatos e poucos eleitores, vai ser certamente este o resultado. Eu nessa altura já estou a apanhar sol no Algarve e além disso já não acredito nos politicos. Para falar a verdade nunca acreditei neles e por essa razão só votei 2 vezes. Olha venha o diabo e escolha.

Dias... said...

Tenho muitas saudades daquele senhor do PPM que DE DENTRO DA CAMARA tantos bons Livros e Artigos escreveu.
Um visionario que hoje (mais uma vez) faria muita falta a Lx.

Ainda bem que vivo nos arredores porque Lx está um caos e não serão nestes 2 ou 3 anos de Provisoriedade que as coisas se vão acertar.

Abraço dos lados do Isaltino, este sim, um Pirata que também rouba para o Povo.

Abraço