Death Proof

O ultimo filme de Tarantino salienta o "dark side" do realizador, cruzando dois histórias onde a personagem principal (é sempre bom ver Kurt Russel) persegue um grupo de jovens beldades. Os desfechos são bem diferentes, no seu estilo muito próprio, que volta a dar a cara por uma das suas personagens secundárias. Pessoalmente, dei por bem empregue o tempo.

Fica o momento mais erótico do filme, ao som dos "The Coasters".

Comments

Dias said…
Idolatrei o Tarantino, foi O melhor realizador do Mundo durante meia decada, e um dos melhores argumentistas desde ai para todo o sempre.

Desde o Kill Bill que para mim é um desperdicio de tempo ver as suas obras, mas continuo a vê-las...

Abraço
Pratas said…
Eu aqui um pouco ao contrário do Dias, continuo a gostar :) Este filme tem excelentes diálogos, e adorei.

Abraço

Popular posts from this blog

Escolhas

O virar da página