Sunday, January 6, 2008

ViniPortugal

Onde foi dia de novos aromas e sabores. Após ler alguns comentários no blog do amigo Pratas, ficou o desafio de fazer uma visita à ViniPortugal e provar, in loco, alguns dos néctares nacionais. Pelo que me explicaram, de 3 em 3 semanas existem regiões com mais opções, no sentido de dar a conhecer o que se produz por todo o país. A base de eleição desta vez estava focada nas Beiras e Ribatejo, com algumas opções do Douro.

Sempre com a atenção das anfitriãs, Isabel e Marta, fomos escolhendo os rótulos a provar: dois brancos e dois tintos, com uma breve incursão por um rosé bem diferente pelo meio. O facto de termos o auxílio do Pratas permitiu encarar esta primeira experiência de uma forma diferente, já que o meu conhecimento vínicola se resume a algumas castas e regiões específicas, de que normalmente sou apreciador.

De entre os diversos vinhos provados, destaco o Don Tedon 2006, um branco do Douro onde pontificam diversas castas tradicionais da região e os vinhos de Mark Stephen Schultz Vinhas Velhas 2005 e Tourina Nacional Syrah 2005. No entanto, o destaque foi para a Quinta do Couquinho 2004, uma excelente surpresa que me despertou o lado consumista e me levou a sair da ViniPortugal com uma garrafa de 2003 e a certeza que lá irei voltar. Obrigado Pratas, pela paciência.
Por curiosidade, a minha cara metade estreou-se nisto das provas e prometeu acompanhar-me nas seguintes. Venha o mês de Fevereiro.

5 comments:

Pratas said...

Ainda bem que gostaste, e como é óbvio nem precisas de agradecer, também gostei muito da vossa companhia. :)

Faltou dizeres que provaste um Vale Meão 2005, um dos vinhos mais falados no ano de 2007 e que ganhou vários prémios de elevado prestígio.

1 Abraço, e boas provas ;)

Isabel said...

Boa entrée no mundo da "alma latina"!
Como eu sou um pouco exigente, e para que não hajam dúvidas...
Mestre: Os vinhos, que provaste bem como o que compraste, não eram reservas.... mas como deves ter um dedo que adivinha....tens um Couquinho Reserva 2004 à tua espera para prova.....no mesmo Local do crime ;)

Pratas: Vale Meão era de 2002!!!

Beijinhos para a Rita e Mestre, para o Pratas...nenhum, inadmissível este erro.........

Mestre said...

Ok Isabel, vou corrigir. :)

A César o que é de César, e por isso o Pratas também merece um beijinho.

Isabel said...

Sempre muito simpático e cordial!

Beijinhos Mestre ;-)

Mestre said...

Para além disso, sempre a aprender. E já agora, o 2003 é fantástico, mais uma vez justiça a quem a sugeriu, a Rita ficou fã.