Monday, March 21, 2011

Tiro ao alvo

Recentemente fizeram 25 anos sobre o assassinato de Olaf Palme na Suécia, primeiro ministro socialista, por motivos que nunca se conseguiram perceber. O seu assassinato foi da responsabilidade de um toxicodependente mas ao estilo de JFK, as razões reais continuam por descobrir.

Por terras lusas, primeiro foi D. Carlos I a cair sob as balas do carbonário Manuel Buiça em 1908, enquanto em 1918 Sidónio Pais, presidente da républica, também foi alvo das balas, desta vez pelo também republicano José Julio da Costa.

Com tanto histórico fico com a esperança que alguém leia isto e ganhe motivação extra...

No comments: